COMO FUNCIONA NOSSO PROCESSO DE CONTRATAÇÃO

1 Crie uma conta no site
2 Escolha um curso
3 Realize seu pagamento on-line
Caso tenha alguma dificuldade envie e-mail contato@ibrafi.org.br. Obrigado!

FALE CONOSCO

Seg. a Sex. 9:00 - 18:00
Tel: (11) 3286-4855
contato@ibrafi.org.br

O mercado de salas e conjuntos comerciais teve queda nos preços anunciados de venda e locação em março, de acordo com pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) em parceria com o site Zap que monitora quatro

Depois de atingir um pico histórico de 41% no primeiro trimestre do ano, o percentual de escritórios de alto padrão vagos na cidade do Rio de Janeiro tende a cair nos próximos meses, como sinal de uma inflexão no segmento corporativo do mercado imobiliári

As sucessivas reduções da taxa básica de juros, a Selic, estão tornando o mais tradicional investimento do país, a poupança, mais atrativa. Desde outubro de 2016, a Selic já passou por 12 cortes seguidos e a expectativa é de que volte a ser reduzida do at

Na semana passada, a Caixa Econômica Federal anunciou redução de até 1,25 ponto porcentual das taxas de juros de crédito imobiliário, o primeiro corte em 17 meses, igualando as taxas da instituição com os demais bancos.

Na busca de opções mais rentáveis de investimento em renda fixa, em tempos de juro baixo, as chamadas Letras de Crédito Imobiliário (LCIs) podem ser uma opção. A expectativa de especialistas do setor imobiliário é que este mercado se recupere e cresça até

Para driblar a crise, donos de imóveis estão topando qualquer negócio para fazer desses bens uma fonte de renda. Dados do IBGE mostram que, em 2017, o número de pessoas com rendimentos de locação e arrendamento no Estado do Rio saltou 23% em relação ao an

Comprando o imóvel à vista, você não teria comprometimento mensal com a parcela do consórcio, que possui taxas como: administração, fundo de reserva, seguro prestamista e reajuste anual pelo INCC ou IPCA. Além disso, você mantém o imóvel sem alienação fid

O preço nominal médio dos imóveis residenciais nas principais capitais do País ficou estável, ao registrar uma variação positiva de 0,06% em março, mostrando uma ligeira recuperação após variação negativa de 0,01% em fevereiro.

Os aluguéis residenciais subiram 0,54% em março ante o mês exatamente anterior. Foi a quarta elevação mensal consecutiva dos valores de locação. No ano, os aluguéis acumulam crescimento de 1,47%, e nos últimos 12 meses, alta de 0,30%.

A redução das taxas de juros do crédito imobiliário e o aumento do percentual do valor do imóvel financiado anunciados esta semana pela Caixa Econômica Federal podem contribuir tanto para o próprio banco quanto para melhorar o cenário do mercado imobiliár

ACESSE SUA ÁREA DO ALUNO

CRIAR CONTA

ESQUECE OS SEUS DETALHES?

TOPO